quinta-feira, 21 de abril de 2011

Dizia o palhaço ontem antes do jogo

"O Benfica ganha ao Porto"


"Não tenho a mínima dúvida que hoje no Estádio da Luz o Glorioso SLB vencerá o Porto.
Já venceu no Estádio do Dragão - a que dragão estarão os portistas a referir-se? À largatixa portuguesa? - e vencerá hoje.
O Benfica hoje tem um objectivo claro: Levantar a Taça de Portugal.
Pelo que  o SLB deve jogar com garra e com vontade de vencer.
Se o Benfica tiver a mesma atitude que teve no Porto, quando venceu por 2-0, vai baixar a crista a Pinto da Costa.
Vencer o FCP hoje é dar o mote para o vencer na Liga Europa, porque o SLB vai estar na final e eu quero que o FCP também esteja para ser derrotado pelo Benfica!
Vamos tirar as manias ao FCP e preparar a época 2011/2012 para voltar a vencer o campeonato.
Força Glorioso SLB!  "bamos aos bimbos"!"
-------------------------------------
Querem ver que agora chamam bimbos aos meninos da Casa Pia?

Até eu já começo a gostar deste estádio

segunda-feira, 18 de abril de 2011

O momem não está bem

Algo de mau se passa com o Dr. Fernando Nobre, estará doente? Terá, nas suas constantes deslocações a países menos evoluídos, contraído alguma doença que lhe altera o carácter?
O Dr. Fernando Nobre que eu presenciei a partir do meio da campanha presidencial era, e pelos vistos continua, alguém auto convencido de que não há ninguém melhor que ele.
A irascibilidade é algo que pode atingir até os melhores, Madre Teresa de Calcutá e ultimamente Fernando Nobre.
Não consigo imaginar o fundador da AMI sentado na cadeira da presidência da Assembleia da República, sem qualquer experiência, a querer colericamente impor as suas ideias quase espumando de raiva.

sábado, 16 de abril de 2011

GUERRA made in América

A peleja ultimamente (desde o fim da guerra fria) é puramente financeira.
Antes os dois blocos vendiam para os respectivos aliados que se confrontavam e assim animavam as respectivas industrias do armamento, com o fim (fictício) dos 2 blocos, com o desmembramento da União Soviética, os Estados Unidos da América viram-se na eminência de reduzir a produção de armas que levaria milhares ao desemprego.
O ataque unilateral ao Iraque sem o aval da ONU representa o início de uma nova política comercial na venda de armas americanas revigorada logo de seguida pelo (ainda muito nublado) 11 de Setembro de 2001.
O mercado passou a ser os países muçulmanos produtores de petróleo salvaguardando no entanto os “amigos” ao mesmo tempo atacam os potenciais inimigos de Israel que é quem na realidade comanda os destinos dos EUA.
Daqui a uns anos, como aconteceu na América Latina, saber-se-á que os movimentos revoltosos que agitam o norte de África foram fomentados pela CIA.

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Apostas perdidas

Apostava em Jorge Coelho como um dos
melhores políticos de esquerda e ele borrou-me as ventas, estive para apostar em Fernando Nobre como independente e ainda bem que não o fiz.

segunda-feira, 4 de abril de 2011

domingo, 3 de abril de 2011

"Vão mudar o aspecto da Rotunda da Boavista"


Obras

FICÇÃO FEITA
RECENTE
OBJECTICO

Afinal...

Todos ouvimos Pedro Passos Coelho dizer que era contra o ultimo PEC porque o Povo não aguentava mais restrições, que entraríamos em recessão, e à Reuters diz que foi contra o PEC porque ele era pouco restritivo.




Começo a não acreditar nos políticos.

Liberdades e garantias?

. A onda de greves nas empresas de transportes públicos onde dizem já não haver dinheiro para pagar salários, a atitude das administrações ao não fornecerem transportes alternativos, parecem combinados com Manuela Ferreira Leite. . A situação económica e financeira a que deixaram chegar Portugal vai obrigar à tomada de atitudes drásticas que quase sempre começam com a suspensão temporária do direito à greve, congelamento, e ou redução de salários. . Se a tudo isto juntarmos a intenção dos partidos de direita de privatizar a saúde, o ensino, e o único banco (CGD) em quem os Portugueses confiam, com um tinhoso na Presidência adverso ao uso do cravo vermelho na lapela, que diz “dia da raça” em vez de dia de Portugal, que quando interpelado pela ex-pide/dgs disse mais do que o que lhe era exigido, que podemos esperar? . Que o senhor Silva entregue aquilo que ganhou acima da taxa racional coma as acções da Sociedade Lusa de Negócios? . Que Dias Loureiro reponha o que roubou? Que Jardim Gonçalves e outros que tal façam o mesmo? . Vamos aguardar que a dita geração à rasca resolva? Que os putos a quem nada falta mexam com isto? . Quem tem de se revoltar é a geração enrascada, os pais dos putos, e que seja o mais depressa possível.