sexta-feira, 25 de abril de 2008

ELES NÃO SABEM


Eles não sabem

Que num pulo se sonha

Que se cospe a peçonha

Que o Povo oprimiu

Vêm com falinhas mil

Outras vezes arrogância

Dói-lhes O 25 de Abril

Vivem com azedume

Agarrados ao queixume

Só os outros são os bons

Eram os da dita senhora

São os que vivem lá fora

Eles são cheios de ciúme

Diz o Povo

“QUE OS PARIU”!

1 comentário:

Ze disse...

Dói-lhes tanto que enviam virus.
Ahahahahah...
São uns tristes